Página inicial‎ > ‎Artigos‎ > ‎

Capela de Nossa Senhora do Desterro na Quinta do Desterro, Pias

 
 
 
Ficha Técnica 
 
 
Característica Arquitectura Religiosa
 
Classificação Conjuntos Edificados
 
Localização Pias
 
Especialista Dr.ª Ana Torrejais

Morada Freguesia de Pias, Lugar do Alqueidão
 
Referência co_Pias_15
 
Propriedade Particular
 
Enquadramento Quinta do Desterro. Templo integrado na fachada principal do edifício habitacional, sendo o acesso ao seu interior aberto para a via pública. Não obstante, esta dependência não denuncia o seu carácter religioso para o exterior.
 
Notícias Históricas Curiosa é a referência à capelinha de Nossa Senhora do Desterro do Alqueidão das Pias, que se encontra no Santuário Mariano de Frei Agostinho de Santa Maria. Segundo o religioso, este templo havia sido fundado por Diogo de Sousa e sua mulher, Catarina Garcês de Oliveira, pessoas nobres da Vila das Pias, embora se desconheça o ano da sua fundação. Como não haviam deixado descendência, tomou posse da Quinta e Capela do Desterro o Capitão Lucas de Sá e Mendonça, a quem sucedeu seu filho Rodrigo de Sá e Mendonça. Nesta capelinha se encontravam, por volta de 1711, as imagens que compõem a tríade da Sagrada Família: Nossa Senhora, São José e o Menino Jesus, vestidos como peregrinos, no momento em que, saindo do Egipto, caminhavam para a Nazaré. Frei Santa Maria refere ainda que «São obradas estas santas imagens de escultura de madeyra; a sua proporção não passará de tres palmos; são estofadas com perfeyção». Os ofícios religiosos eram assistidos por um capelão, pago por Rodrigo de Sá, que tinha a obrigação de todos os dias dizer missa na capelinha.
 
Descrição Arquitectónica A capela privada da Quinta do Desterro apresenta-se totalmente absorvida pela fachada principal do edifício habitacional, não existindo qualquer elemento arquitectónico ou decorativo que a permita distinguir pelo exterior. A porta de acesso ao interior do templo corresponderia à segunda entrada que se abre no andar térreo, a contar pela lateral direita; por sua vez, através da primeira entrada realizava-se o acesso à sala de sacristia.
 
Estado de Conservação A dependência correspondente à capela de Nossa Senhora do Desterro encontra-se hoje abandonada, não se exercendo nela qualquer culto, uma vez que, de acordo com o actual proprietário, todo o espólio se perdeu no decurso dos saques originados pelas invasões francesas.
 
 

Bibliografia
 
COSTA; Padre António Carvalho da; Corografia Portugueza (...); Tomo III; Lisboa; Oficina Real Deslandesiana; 1712; Fólios

LEAL; Augusto Soares d’ Azevedo Barbosa de Pinho; Portugal Antigo e Moderno (...); 11 Volumes; Lisboa; Livraria Editora de Mattos Moreira & Companhia , 1873 a 1882; Volume 7; Páginas 10 e 11

MARIA; Frei Agostinho de Santa; Santuário Mariano (...); 9 Tomos; Lisboa; Oficina de António Pedroso Galhão; Tomo 3º; Fólios 486 a 492