Página inicial‎ > ‎Artigos‎ > ‎

Capela de Nossa Senhora da Graça em Dornes

 
 
 
Ficha Técnica
 
 
Característica Arquitectura Religiosa

Classificação Templos Arruinados
 
Localização Dornes
 
 
Especialista Dr.ª Ana Torrejais

Morada Freguesia de Dornes
 
Referência ad_Dornes_24
 
Enquadramento Segundo Paulo Alcobia Neves, a primitiva capela de Nossa Senhora da Graça estaria fundada no local onde actualmente se ergue a famosa «Casa da Inveja». Porém, do primitivo templo não foram encontrados quaisquer vestígios.

Notícias Históricas A capelinha de Nossa Senhora da Graça, que antigamente havia sido hospital, com a obrigação de manter cinco camas para recolhimento dos pobres, era administrada, a partir de 8 de Novembro de 1723, pelo advogado José Pinto da Silva. Segundo António Baião, o mesmo José Pinto da Silva veio a adquirir posteriormente a informação de que o referido templo, de quem tinha sido último administrador Pedro Heitor, andava usurpado, e que havia sido instituído por D. Dinis e Santa Isabel, sob a invocação de Santa Susana, adquirindo mais tarde o título de Nossa Senhora da Graça. Porém, o historiador não averiguou a autenticidade desta informação.

Estado de Conservação Grau 1 - Edifício arruinado, parcial ou totalmente desaparecido, que já não mantêm a função cultual.
 
 

Bibliografia
 
BAIÃO; António; Vila e Concelho de Ferreira do Zêzere; Imprensa Nacional; Lisboa; 1918; página 167

COSTA; Padre António Carvalho da; Corografia Portugueza (...); Tomo III; Lisboa; Oficina Real Deslandesiana; 1712; Fólios